Zahar

Formatos de texto

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.

Full HTML

  • Usando código PHP personalizado

    Você pode escrever código PHP em alguns lugares do site, incluíndo posts e blocos. Poder escrever código PHP em um post ou em um bloco pode ser um recurso poderoso e flexível se usado por um usuário confiável e com experiência com PHP, mas pode ser um risco de segurança muito alto se for usado incorretamente. Mesmo um pequeno erro no código pode, acidentalmente comprometer o seu site.

    Se você não tem familiaridade com PHP, SQL ou com o Drupal, não coloque código PHP nos seus posts. Ficar fazendo testes com PHP pode corromper o seu banco de dados, derrubar o seu site ou comprometer significativamente a segurança do site.

    Notas:

    • Lembre-se de conferir atentamente cada linha, antes de salvar, para ver se não há erros de lógica ou sintaxe.
    • Cada comando deve terminar com um ponto-e-vírgula.
    • Variáveis globais usadas no seu código PHP vão ter manter o seu valor depois da execução do seu script.
    • A diretiva register_globals está desligada. Se você precisa usar formulários, estude e use as funções da API de formulários do Drupal.
    • Use o comando print ou return no seu código para exibir o conteúdo.
    • Desenvolva e teste seu código PHP em um ambiente separado antes de aplicar em um site em produção.
    • Veja se não é melhor incluir o seu código PHP personalizado em um módulo específico para o seu site ou no arquivo template.php ao invés de escrever isso diretamente dentro de um post ou bloco.
    • Note que usar código PHP em posts é uma função oferecida pelo módulo filtro PHP. Se esse módulo for desativado ou removido, os blocos e posts que contêm código PHP vão exibir, ao invés de executar, o código PHP.

    Por exemplo: Como criar um bloco "Bem vindo!" que recebe seus visitantes com uma mensagem simples.

    • Adicione um bloco personalizado no seu site, chamado "Bem-vindo". Defina o formato de texto para "Código PHP" (ou outro formato que suporte PHP), e coloque o seguinte conteúdo no corpo:

      print t('Welcome visitor! Thank you for visiting.');
      
    • Em vez disso, para exibir o nome de um usuário registrado use:

      global $user;
      if ($user->uid) {
        print t('Welcome @name! Thank you for visiting.', array('@name' => format_username($user)));
      }
      else {
        print t('Welcome visitor! Thank you for visiting.');
      }
      

    O site Drupal.org apresenta exemplos de códigos PHP. Com um pouco de experiência com PHP e conhecimento do funcionamento interno do Drupal, você pode criar os seus próprios.

  • Quebras de linhas e parágrafos são automaticamente reconhecidos. As tags de quebra de linha, <br />, de parágrafo, <p>, e de fim de parágrafo, <p>, são inseridas automaticamente. Se os parágrafos não forem reconhecidos, basta inserir algumas linhas em branco.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são automaticamente reconhecidos. As tags de quebra de linha, <br />, de parágrafo, <p>, e de fim de parágrafo, <p>, são inseridas automaticamente. Se os parágrafos não forem reconhecidos, basta inserir algumas linhas em branco.